“ESCLARECIMENTOS DIVERSOS E NECESSÁRIOS”.


Imprimir

Postado em 30 de novembro de 2013.

Por Dilmar Dutra – Biomédium, Escritor Científico e Espiritual. Um facilitador e pacificador a serviço da humanidade.

.-

 

Diante da impossibilidade de responder um a um, como merecem e sem citar nomes pelas solicitações (imbox), particulares e privadas, assim como, comentários no Facebook causados por um mal entendido ou quem sabe, não pude ser tão claro como pretendia ser. Decidi esclarecer o seguinte:

“É muito importante à experiência íntima e pessoal de cada médium, ela é a força motriz primeva; que nos move e dirige nossa cognição consciente corporificada e local, numa condição mediúnica do Nosso “EU ESPÍRITO CONSCIÊNCIA PERMANENTE ETERNO” que INTERAGE o tempo todo com as nossas constituições microbianas, celulares e moleculares impermanentes e transitórias, com ou sem carne”.

Essa condição é de Essência e não envolve vida nem existência, e muito menos, quaisquer tipos de tecidos. É uma RELAÇÃO DA MENTE DO TODO, COM UM FRAGMENTO DESPRENDIDO CHAMADO DE CONSCIÊNCIA PARA INTERAGIR COM AS CRIAÇÕES CORPORIFICADAS DE ALMAS VIVENTES, CRIADAS PARA A EXISTÊNCIA. E nisso todos os Médiuns, tem razão e em momento algum estamos questionando isso.

Marlene me falou sobre os maravilhosos comentários nesse sentido, pois externaram com propriedades significativas, ao usar as verdades como informações memorizadas nas células, e moléculas almáticas, da existência em consórcio, com as informações memorizadas na consciência, sob condições subatômicas, subjetivas e holográficas, ou seja, sem peso, massa e corpo.

Todas as comunicações são assim. Todas essas memórias genéticas propiciam recordações corporificadas na existência, via alimento celular e molecular, com ou sem carne. (Este é o PONTO, carne só existe nos animais, que representam menos de ¼ dos seres espirituais). O espírito é Incriado, imaterial e essencial eterno. Ele não vive não morre, e não vai para a extinção. 

A vida, a morte, e a extinção, são da existência. Na existência toda sua totalidade é impermanente, faz torção biológica; faz plasticidade morfo, ou morfogenética, e com isso, se transforma e se adapta, combina recombina em simbiose.

A não adaptação provoca inviolavelmente como FATO, a extinção. 

A existência está condicionada à vida e a morte, assim como, a extinção.

As vidas se iniciam na criação e cessam na morte, num contínuo celular e molecular de nascimento, vida morte e extinção.

O espírito não é criado não nasce não vive, não morre e não vai para a extinção, ele é INCRIADO E ETERNO. Mas ele cria suas almas viventes, e interage com elas o tempo todo, via um tipo de alimento holográfico, subjetivo e essencial chamado informação que é digerido por interação, com esse fragmento para a expansão evolutiva chamada de CONSCIÊNCIA, que traz memórias holográficas, holísticas, subatômicas, subjetivas e singulares.

Ao interagir com as criações sem carne ou com carne, ele registra nas memórias atômicas; filos e filogenéticas pelos RNA; DNA; ATP; mTOR, etc. (elementos celulares e moleculares), essas memórias são passadas hereditariamente, pela cadeia almática de presas e predadores da existência, onde todos comem todos e todos se alimentam de todos. Isto é feito pela morte que sustenta a vida.

Espírito (consciência) não come espírito, por que não vive, não morre, não existe e não vai para a extinção.

Ele não é constituído de células nem de moléculas, de tecido nenhum, muito menos de carne.

Ele não renasce na carne, porque ele não nasce ele não morre, porque ele não vive.

Ele não vai para extinção por que ele não existe, não tem corpo, pois é um Campo de Influência, ele é Incriado imaterial, subjetivo, holográfico, holístico e singular.

Ele é eterno e interage pelos fragmentos do TODO, em expansão, chamados de “Consciências Espirituais”, ou simplesmente espírito.

A Consciência ou o Espírito; não pode ser medido pela existência, pela genética, pela espécie pela qualidade, pelo tecido, seja qual for: células, moléculas ou carne, o espírito é o TODO, e esta no grau da totalidade.

Espero com isso haver esclarecido que tudo é memória e informação, oriunda da essência, que é espiritual permanente, diferente da existência impermanente, onde tudo é transitório de transformação, combinação, recombinação, simbiose e extinção.

É muito importante o aspecto de observação, experienciação, execução, íntimo e pessoal de cada um. Isto é viver é existir.

O espírito é eterno, é consciência, e guarda todas as memórias da essência ao abandonar as corporificações, e retornar ao TODO. 

Por isso, “Todos, Somos Um” em Eternidade, no Amor e na Perfeição.

As memórias das almas celulares e moleculares passam em hereditariedades pelas mortes ou vidas ou Nephesh palavra que significa VIDA, que mostra como o Campo de Influência, contido no TODO interage como fragmentos em Consciências e é pelas renovações de vidas, em outros corpos, e em outras consciências, ou seja, nos corpos das unidades atômicas, como nutrição celular, molecular, com peso, massa e corpo. (hereditariedade gênica e atômica).

Observação: Um átomo de uma folha velha do passado que morreu, pode hoje, fazer parte, da constituição de um ser vivo espiritual qualquer, numa nova renovação de VIDA. E ali esta registrada uma ou mais informações memorizadas. Deu para entender.

As Novas Vidas irão passar por NOVAS INTERAÇÕES DE CONSCIÊNCIAS via nutrição de informações, subatômicas, sem peso, massa e corpo, que são memórias eternas subjetivas e holográficas, essas memórias, são da essência, sem peso, massa e corpo. Namastê.

Nós amamos vocês e sou grata por cada um, que aqui nos prestigiaram com sua atenção e carinho. Somos gratos por todos os amigos que por imbox ou por comentários nos dá a oportunidade de esclarecê-los e a todos os que lêem a matéria pela primeira vez.

E pela paciência daqueles que já estão nos acompanhando com entendimentos. 

Espero com isso haver esclarecido que O EU CONSCIÊNCIA QUE INTERAGE COM CADA UM SER VIVO É ETERNO COMO PARTE DO AMOR E PERFEIÇÃO. NÃO TEM VIDA, SE TIVESSE NÃO SERIA PERFEITO, NÃO MORRE E NEM VAI PARA A EXTINÇÃO, POR QUE NÃO É DA EXISTÊNCIA. ELE É ESSÊNCIA E TODOS É (SÃO) UMA PARTE FRAGMENTO DO TODO. POR ISSO SOMOS UM.

Bjs de luz, nos corações e cérebros simbióticos, iluminados pela Mente Psique Espírito Consciência. Termino com uma logia de JESUS CRISTO. “Se teus olhos forem bons todo seu corpo será LUZ”.

Dilmar Dutra e Marlene Chaves.