,

“UTILIDADE PÚBLICA”


Imprimir



“MENSAGEM PARA NOVA ERA DE LUZ.

Pelas estradas da vida, em transito, nesta data: 29.01.2018.

Por Dilmar Dutra – Biomédium – Escritor Científico e Espiritualista, a serviço gratuito da humanidade.

Fonte: Telepática e mediúnica que transcende da essência espiritual para as almas coletivas, ou células e moléculas da existência, onde a essência se manifesta oriunda da singularidade, que interage com a existência vital, pelas supracitadas células e moléculas, objetivas e quânticas, estudadas e pesquisadas pelos humanos, no uso da biologia; da química; da física e da psiquiatria subjetiva e holográfica, num consorcio de ideias e teorias, reveladas da essência com pensamentos derivados do Espírito, ou melhor, da consciência, que na verdade. É a mesma coisa.

Mais que o autoengodo humano, rotulou de forma diferente, para subjugar pelo medo, como massa de manobra, as civilizações humanas, dando a elas, a função de contribuintes e, ou escravocratas, a serviço do Poder, numa Lesa Humanidade, para viverem do pão da vergonha.

Usam todas as informações eternas e memorizadas, para estabelecer uma formação transitória e finita, no período de vida, com delegação de poderes para errar, matar, mutilar e cometer todos os desatinos imponderáveis e indecorosos, falseando a verdade por dogmas, mitomanias, mitologias e demais elucubrações possíveis e imaginárias, como uma espécie de foro privilegiado, aonde a impunidade oficiosa e oficializada pelo autoengodo humano no abuso do Poder, implantando Legislações a bel prazer de seus interesses, outros corroborados pelas Conspirações e corrupções.

Mensagens Épicas e oportunas para uma Nova Era de Luz.

Nossas comunicações são manifestadas pelo poder do amor, visando à cooperação em forma de plenitude, com o auxilio mútuo no ensejo da propagação da paz, no trabalho do bem comum, manifestado também, pela força da decisão intima e pessoal a serviço da Unidade Ecumênica e Universalista.

Todos nós, na Seara do bem, estaremos contidos e situados em um extenso campo de influência espiritual, no encalço de melhores oportunidades no tempo, pelos conhecimentos adquiridos por informações, que podem levar-nos as formações éticos e morais, basta para isso, que creia que a vida é troca incessante entre combinações, recombinações, e adaptações pela condição estável de autopoiese, ou uma pinguela simples, que ocorre no nascimento e acaba na morte, mas você pode construir pontes para sobreviver com novas adaptações. Pontes manifestadas no uso das informações e memórias, que os ajudarão a transpor os perigos e obstáculos dos dogmas, poder, mitologias e mitomanias.

Os que amam de verdade há si mesmo, conquistam a liberdade pela sabedoria aplicada na plenitude, para que em consciência no uso da partícula de “DEUS” rotulada de espírito, que não é outra coisa. Senão a própria Consciência. Que é única de Poder Infinito e Eterno. Use-a e seja libertado das almas grupo (células e moléculas), pela implosão da morte inviolável, abrindo-se o portal, que o fará retornar como consciência ao “TODO EU SOU” A MENTE PSIQUÊ ESPÍRITO ETERNO CRIADOR ÚNICO QUE SE DIVIDE EM PARTÍCULAS DE AMOR E DE CONSCIÊNCIAS INTERAGINDO com suas almas viventes transitórias e físicas, químicas, biológicas com psiques, que retornam para a essência do Campo Taquiônico, abandonando o Campo Quântico, ou saindo, da transitoriedade para a eternidade da singularidade.

As consciências com amor são as partículas de “DEUS”, que interagem com todos os sistemas vivos e não vivos da existência, que se alimentam de informações e memórias, contidas nas almas (células e moléculas) estejam no singular ou no Plural (unicelular ou multicelular).

Tudo na vida é informação e memória – Tudo são divisão e fusão. Não existe formação sem informações, sejam elas benéficas ou maléficas.

A sua partícula de amor e de consciência, dentre tantas outras que interagem com a sua vida, ao conhecer a sua própria constituição corporificada da existência com o consorcio de inteiração MENTE\CORPO são as partículas eternas de DEUS manifestadas por inteirações como o amor e a consciência, subjetiva e holográfica sem peso massa e corpo, com o corpo físico e materializado simbioticamente que muito se traduziu semiologicamente através também, de simbologias como registros memoráveis comprovados pela arqueologia.

Beijos de luz no seu caminhar.

Dilmar Dutra