“O Melhor jeito de Identificar o “CRIADOR DEUS”. É através do AMOR”.


Imprimir

Postado em 10.11.2013.

Por Dilmar Dutra – Biomédium – Escritor Científico e Espiritual. Um facilitador e Pacificador a Serviço da Humanidade.

Fonte: Revelação Espiritual: A Consciência Crística de AMOR via cognição mediúnica e intuitiva com o Biomédium em questão.

 

.

 

Esta Consciência Crística de AMOR que um dia no passado, esteve corporificada e atendeu pelo nome civil e humano de “JESUS CRISTO”, em contato Mediúnico com o Biomédium.

Afirmou que veio para a Humanidade numa época, em que os humanos conquistavam humanos e suas culturas pela força, pela guerra, e os conquistados, eram escravizados moralmente e se tornavam contribuintes dos conquistadores, sua missão foi a de PERDOAR e AMAR a exemplo do CRIADOR, que ao criar a Matriz Divina, celular/molecular deu inicio a geração biológica de todas as espécies desse ORBE, pela transformação, combinação, recombinação e simbiose, como seres vivos substituídos pela morte, com FATOS INVIOLÁVEIS e IMPERMANENTES na Existência, dirigidos pela ESSÊNCIA ESPIRITUAL, ou seja, pela “MENTE PSIQUE ESPIRITO” que ao se fragmentar em partículas de CONSCIÊNCIAS, propiciou a INTERAÇÃO pela forma de alimentação para todas as espécies da Diversidade biológica e ecológica, estabelecendo um grau de Consciência, que norteariam pela condição assexuada e sexuada sua preservação e sobrevivência.

Todas oriundas da UNIDADE composta e mista, para que cada corporificação fosse uma prole da UNIDADE PROCARIÓTICA, que cresceu, engolfou e digeriu parte e fusionando-se em UNIDADES EUCARIÓTICAS SIMBIÓTICAS, guardando e registrando informações nas diversas memorias inseridas nas corporificações, originadas a partir de células e moléculas como constituições de todas as criações mórficas ou morfogenéticas de inorgânicos e orgânicos, pela primeira transformação simbiótica, entre células e moléculas (com torção biológica, plasticidade morfogenética e com autopoiese). 

A referida autopoiese supra citada, como co-criação, ou a capacidade de se multiplicar, replicar e reproduzir combinando e recombinando pelas formas de mitose e meiose, foi criada para dar continuação pela co-criação perpetuada em hereditariedade, num ciclo de renovação impermanente, pelo nascimento para a VIDA com finalização na MORTE, cujo objetivo, fosse uma reciclagem para manter o equilíbrio ecológico e biológico pela CADEIA RETROALIMENTAR, onde MORTE é o ALIMENTO ALMÁTICO VIVENTE, (CÉLULAS E MOLÉCULAS) PRONTO PARA SEREM  DIGERIDOS PELOS ORGANISMOS CORPORIFICADOS NUMA MANIFESTAÇÃO QUE ENVOLVEM O AMOR E O MEDO, este último, ou seja, O MEDO, é um dispositivo de defesa, para fazer a PRESA ALMÀTICA VIVENTE, fugir do PREDADOR da Cadeia Retroalimentar de PRESAS E PREDADORES E ASSIM ESTABELECER O ASPECTO MORAL QUE VEM DA CONSCIÊNCIA ESPIRITUAL.

E é esta CONSCIÊNCIA ESPIRITUAL CRÍSTICA, que retornou, para que todos pelo exemplo de JESUS CRISTO na cruz, estabeleceu ao citar PERDÃO e o AMOR como exemplo para a humanidade. Mostrando ao citar “PAI A TI ENTREGO O MEU ESPIRITO”. (Comentário do Médium: A ti entrego a minha consciência, numa alusão: que ESPÍRITO ETERNO, não come ESPIRITO ETERNO POR ISSO ELE A ENTREGAVA). Ou seja, AS CONSCIÊNCIAS ESPIRITUAIS SE NUTREM DE INFORMAÇÕES DIGERINDO-AS E AS ARQUIVANDO-AS NAS MEMORIAS HOLOGRÁFICAS, SUBJETIVAS E SUBATÔMICAS, e quando interagem com as CORPORIFICAÇÕES DE ALMAS VIVENTES, de todas as Espécies da Diversidade, as arquivam e as registram na memorias: FILO, FILOGENÉTICAS, PROTEICAS, CULTURAIS ETC. Com objetivos de que pela MORTE, os nutrientes: células e moléculas, assim como, as informações, façam parte da autopoiese que estabeleça a sobrevivência como códigos inseridos em todos os sistemas vivos, OU SEJA DE ALMAS VIVENTES.

O Aspecto de MORALIDADE é da Essência Permanente e ETERNA, uma vez que VIDA E A MORTE são FATOS da Existência Impermanente e Transitória, pela condição inviolável da VIDA e da MORTE, com possibilidades de EXTINÇÃO. O Espírito Permanente e Eterno se manifesta por interação consorciada de alimentação via Consciência, que é um fragmento, ou melhor, partículas nanônicas e invisíveis aos olhos dos sistemas vivos, fornecidas pelo CAMPO DE INFLUÊNCIA e que todos nós, somos completamente dependentes.

A Consciência Crística de AMOR, que é um atributo da Consciência Cósmica do CRIADOR ÚNICO DE PODER INFINITO, que muitos chamam de O ESPÍRITO SANTO, ou, (O TODO “DEUS”), ou ainda, “MENTE PSIQUE ESPÍRITO”, está presente pela “CONSCIÊNCIA” OU PARTÍCULA DE “DEUS” pela via mais comum da respiração etc. Por grau de Consciência, para toda a CRIAÇÃO.  Seja humana, ou não humana. Vejam e compreendam que todos os sistemas vivos são filhos do AMOR, ou melhor, TODOS, SOMOS UM.

Eu por exemplo! Fiz a escolha por este iluminado chamado “JESUS CRISTO”, que está sincronizado e conectado pela sua Consciência o tempo todo comigo e é uma opção arbitral. Mas isso, não significa ser o único caminho para o CRIADOR.

Todos. No uso do respeito e do livre-arbítrio, podem escolher o ILUMINADO, com o qual se identifiquem mais.

São nossos irmãos e as diferentes escolhas, são intimas e pessoais de cada um.

Apesar de ter feito a escolha pelo Cristianismo, não significa dizer, que não tenha respeito, apreço, admiração pelas demais opções. Afinal “DEUS” é o mesmo, a Fé é a mesma. Fé que remove montanhas, e estão acima de quaisquer religiões, crenças, filosofias de vida, ou escolhas outras.

Não importa. Você decide independente de acreditar ou não. “Todos, Somos Um”, pelo AMOR e temos a mesma matriz que deu origem a VIDA. “A CÉLULA PROCARIÓTICA”.

Luz e Paz, nos caminhos percorridos por todos os Seres Vivos e Não Vivos. Um afetuoso abraço e beijos de luz, nos corações e cérebros simbióticos locais, corporificados e iluminados pela Mente Psiquê Espirito, manifestados pelos fragmentos de Consciências não locais e Eternas.

Dilmar Dutra e Marlene Chaves.