“POR QUE DEFENDER O RESPEITO ÀS DIFERENÇAS”

Imprimir



Um segredo guardado e revelado hoje para Reflexão.

Por Dilmar Dutra, um facilitador a serviço da humanidade.
 
Eu estava a pensar, como poderia fazer a melhor escolha, para encontrar a verdade, muitas opções de crença com fé, de ceticismo, de ciências, de filosofias, materialismo etc. Estavam a minha disposição, fui intuído a conhece-las e fui passando, uma a uma,  estudando, pesquisando, lendo de tudo, onde pudesse encontrar mais um subsídio, capaz de me conduzir a uma delas.
Foi quando percebi pela primeira vez, que o que eu pensava, se misturava com os pensamentos dos chamados iluminados e defensores do que chamavam de “DEUS” e todos juntos, conversavam falando dos  caminhos da EXISTÊNCIA, onde todos deveriam passar pelo túnel da VIDA, o EU SOU que interagia comigo, começou a verificar que existia entre TODOS, UM AMOR, UM RESPEITO como se TODOS FOSSEM UM SÓ, até mesmo os céticos, materialistas, religiosos, espiritualistas, cristãos, budistas etc. de repente, ocorreu-me pensar como todos poderiam estar se confraternizando, naquele lugar e quem os conduziu a chegarem ali.
O que estava mais perto de mim, era JESUS CRISTO.
Que me disse o seguinte: “MEU IRMÃO, EM VERDADE EM VERDADE, QUANDO ESTÁVAMOS NA VIDA, ESTÁVAMOS FAZENDO ESCOLHAS, COM BUSCAS DIFERENTES, SEM QUE ENTENDÊSSEMOS O RESPEITO E O AMOR, QUE DEVERIA EXISTIR, ENTRE TODOS OS CRIADOS, PELO INCRIADO.
MAS ISSO, ACONTECEU NA VIDA, NA EXISTÊNCIA, QUE DISPONIBILIZA VÁRIOS CAMINHOS. E CADA EU SOU, FEZ LÁ, A SUA ESCOLHA E TOMOU SUA DECISÃO”.
 E eu continuei pensando, mais como todos vieram parar aqui neste lugar ecumênico e universalista? Meu pensamento foi escutado por todos e a um só pensamento, que eu escutava perfeitamente, todos me olhavam e com uma expressão de sorriso, responderam, “SOMOS FRAGMENTOS, PARTÍCULAS DE CONSCIÊNCIA.
E eu pensei: como assim?
De novo veio uma nova resposta: “NA VIDA TODOS NOS CHAMARAM DE ESPÍRITOS, AGORA E AQUI SOMOS UM, ESTAMOS COM O PAI”.
Eu continuei pensando, onde está o Pai?
Nova resposta veio por todos como uma só Voz (pensamento). Assim:
“SE TEUS OLHOS FOREM BONS, TODOS NÓS, SEREMOS LUZ”.
De repente uma LUZ BRILHANTE DE COR VIOLETA surgiu do nada como a única coisa que eu podia ver> e veio nova resposta:
 “EU SOU O TODO, AQUELE QUE É ANTES DE TUDO EXISTIR”. “SOU A MENTE PSIQUÊ ESPIRITO”, SOU O ESPÍRITO ÚNICO DE PODER INFINITO” “ESTEJA A VONTADE PARA ME CHAMAR COMO DESEJAR”.

Eu então pense: Como vieram todos parar aqui?

A resposta veio da LUZ, de novo, num só pensamento ruidoso e magnífico.

 “PELO ÚNICO CAMINHO INVIOLÁVEL QUE LIGA A EXISTÊNCIA TRANSITÓRIA A ESSÊNCIA ETERNA, QUE FAZ RETORNAR TODAS AS MEMORIAS SUBJETIVAS QUE SE DESPRENDERAM DO TODO, SUAS CONSCIÊNCIAS ESPIRITUAIS”.

Pensei Meu DEUS, que caminho é esse?

“NOVA RESPOSTA: O CAMINHO DA MORTE, É POR ELE, QUE TODOS OS FILHOS ENTREGAM DE VOLTA AO PAI O EU ESPIRITO”.

Então ocorreu, uma enorme explosão. E eu me vi, no mesmo lugar onde comecei a pensar e num passe de mágica, o conflito desapareceu e me veio um pensamento, preciso encontrar pessoas que possam me ajudar sem que eu revele estas coisas.

O tempo foi passando, anos e anos se passaram, as comunicações entre pensamentos não cessavam, muito pelos contrario aumentavam a cada dia.
Até que em São Lourenço MG. Caminhava eu, subindo a rua XV de novembro e na esquina da Rua Marechal Floriano, já cansado dei uma paradinha para tomar folego, perto de um Senhor com um  cãozinho, Olhei ali, estava a mesma LUZ que vinha da Montanha Sagrada, que em frente a onde morávamos, e de lá, como se fosse uma flecha de LUZ,que parava em cima daquele Senhor: Coronel JOSE EDUARDO ANTONIO DE MATTOS.

Estabeleceu-se um diálogo, inicialmente sobre o cãozinho, eu falava ele retrucava, ele falava eu retruca, retrucávamos em forma de perguntas civilizadas.
Naquele momento eu soube, que estava ali, na minha frente à pessoa que eu procurava a muitos anos.
 
Quando ele me perguntou onde mora, apontei com o dedo, vez que, estávamos em frente onde ele morava e eu logo à frente, no prédio do outro lado da rua.
Ele me perguntou: Posso ir a sua casa, para conversarmos, prontamente disse que sim. Não demorou muito, e lá estávamos nós, dai para frente, surgiu tudo isso, e se encontram em nossos sites: www.dilmardutra.com.br que no momento encontra-se em manutenção e eu espero resolver tudo, ainda, por estes, dias.
E www.joseeduardomattos.com.br sendo alimentado e em dia e atualizadíssimo, vale a pena visitar para conhecer.
 
Com essas explicações reveladas hoje, estou atendendo a uma amiga, que prefere ficar no anonimato e que me disse:

Deve existir um motivo muito forte, para você, trilhar um caminho que resultará em polemicas e em cima de coisas consagradas e enraizadas nas civilizações.
EU RESPONDI para ELA. Que só existe um caminho para a VERDADE e naquele momento, tudo que era preciso fazer era RESPEITAR AS DIFERENÇAS E AMAR A SI MESMO, ASSIM COMO AO PRÓXIMO, POR QUE TODOS SOMOS UM.
Consultei as Consciência que se comunicavam comigo e obtive suas autorizações que estão narradas por esta revelação/reflexão. 

Um beijo nos corações e cérebros simbióticos, iluminados pelo TODO DE AMOR E PODER INFINITO. Neste domingo podemos avaliar o quanto sabemos AMAR-NOS E AO PRÓXIMO TAMBÉM. Namastê Dilmar Dutra e Marlene Chaves.