“ Você sabe determinar a diferença entre: “GERAR e FECUNDAR? ”


Imprimir 


Postado em 18.12.2012.
Por Dilmar Dutra – Biomédium – Escritor Científico e Espiritual, um facilitador a serviço da humanidade.

Fonte: A Consciência Espiritual que um dia no passado interagiu com “Imhotep”, chamado pelos Gregos de “O Três vezes Grande” que significa “Hermes Trismegisto”

RESPONDE:

A Geração é Holográfica, sem peso e sem massa. Manifesta-se pela “MENTE PSIQUE ESPÍRITO”, OU O AGENTE ÚNICO DE INTELIGÊNCIA PRIMORDIAL DA SINGULARIDADE DE ORDEM OU CÓSMICO. Que fragmenta-se, na expansão para ocupação do “TODO MENTE” em partículas, chamadas de Consciências Espirituais, para povoar (ocupar os espaços novos da expansão e criar pelo VERBO, suas “Almas Viventes”, Consciências estas, que muitos seguimentos da Sociedade Planetária, rotularam-nas de “Espíritos Eternos”, terminologia correta de “Essência Divina”.

A Fecundação é Fisicabioquimica, sob a condição de matéria radiante holográfica chamada de energia impermanente que se transforma e se adapta em condições condensantes, para criar a matérias bioquímica, pelo “Bóson” que leva o nome do seu descobridor, Peter Higgs, ou seja, O “Bóson de Higgs”, que a denominou de a Partícula de “DEUS”. Este processo de matéria prima e usado como transmutação, onde a matéria e a energia são as mesmas coisas, em estados apenas, diferentes. Por exemplo: Ao criar a “Matriz Divina”, como “Almas Viventes”, ou moléculas vivificadas, pelas células corporificadas com membrana filogenética, já na primeira simbiose química e biológica, com códigos de cognição, reprodução, transformação e adaptação, além de códigos evolutivos e transdisciplinares de totalidades integradas, para uma transmutação impermanente, crescendo, ingerindo e digerindo, depois ingerindo sem digerir e estabelecendo a simbiose morfogenética, onde organismos vivos, vivem dentro de organismos vivos, com códigos de divisão binaria na unicelularidade e de meiose na multicelularidade, como presas e predadores, condição manifestada nos animais como úteros quânticos, de células e moléculas solventes “ água”, de vida ATP, de cognição mTOR, etc. Onde 70% é de água, com outras moléculas dissolvidas nesta molécula de água. (Um) 01% Íons e 29% de orgânicos, ou seja, excrementos reaproveitados do mundo microbiano. Essa é a constituição das criações corporificadas na vida, pelo nascimento para se alimentar da morte de células e moléculas almáticas, seja de cloroplastos “vegetais”, mitocôndrias de “animais”, fungos (fungi) e encapsulados químicos (vírus).

Basicamente esta é a nossa constituição humana e de todos os demais seres vivos, que são fecundados pela luz como Esperma Divino (Fotossíntese) ou pela transmutação que transforma energia fotônica, em energia química (esperma animal), já com peso e massa na condição celular, a partir da célula bacteriana procariótica, que é a matriz Divina de todos os Sistemas Vivos e que passa pelos códigos inseridos de RNA primário, e no DNA secundário, de uma psicomassa física, química e Biológica, recebendo a herança de Plasticidade morfogenética e torção biológica.

Plasticidade e Torção são ferramentas da impermanência da matéria, seja inorgânica ou orgânica. A Fecundação têm peso e massa, que é alimento e se alimenta pela MORTE, que significa Alimento pronto para ser digerido.

A MENTE É PRIMARIA;

A MEMÓRIA FILOGENÉTICA É SECUNDÁRIA;

O CÉREBRO É TERCIÁRIO.

A MENTE PSIQUE ESPIRITO É O “TODO” E SE FRAGMENTA EM PARTÍCULAS HOLOGRÁFICAS SEM PESO E MASSA, CHAMADAS DE “CONSCIÊNCIAS ESPIRITUAIS”, ROTULADAS PELOS HUMANOS DE ESPÍRITOS. ESSE CAMPO DO TODO É QUE GERA E DIGERE INFORMAÇÕES DE FORMA PERMANENTE.

AS MEMORIAS FILOGENÉTICAS, BEM COMO OS CÉREBROS, SÃO: SIMBIÓTICOS E MORTAIS, SÃO PARTES COMO ÓRGÃOS DAS CORPORIFICAÇÕES COM PESO E MASSA, CONDIÇÕES FÍSICAS DE MATERIAL BIOQUÍMICO, COM PLASTICIDADE E TORÇÃO, CRIADOS DE FORMA IMPERMANENTE, OU SEJA, PARA QUE A MATÉRIA E O CAOS NÃO POSSAM TER CONDIÇÕES PERMANENTES, UMA VEZ QUE SÃO ALIMENTOS, DESDE OS GASES ATMOSFÉRICOS COM OU SEM A SUPREMACIA DO OXIGÊNIO, QUE É UMA CONDIÇÃO APROPRIADA PARA A SOBREVIVÊNCIA DOS CÉREBROS NOS ANIMAIS, ASSIM COMO OS PULMÕES.

OS CÉREBROS SÓ EXISTEM NOS ANIMAIS E SEU MENOR TAMANHO É ENCONTRADO NO VERME.

A MENTE ESTÁ INTERAGINDO COM TUDO QUE TÊM VIDA E COM TUDO QUE NÃO TEM VIDA. (EXEMPLO: (O ZUMBI QUÍMICO – VÍRUS – TÊM A MENOR MENTE, OU MELHOR, INTERAGE COM A MENOR “MENTE PSIQUE ESPÍRITO”, FRAGMENTOS\PARTÍCULAS, OU CONSCIÊNCIAS NANÕNICAS ESPIRITUAIS, QUE NA VERDADE SÃO A MESMA COISA, E NÃO PODEM SEREM CITADOS EM SEPARADOS. É SÓ UMA QUESTÃO DE GRAU. VEJAM O VÍRUS, FAZ A LEITURA DO RNA, OU DO DNA, PRODUZ ESPELHO, SOMBRA E MIRAGEM, BEM COMO, OS SONHOS DENSOS, QUE POSSAM ENGANAR A CÉLULA DE HOSPEDAGEM, PARA VIVER COMO HOSPEDEIRO, E SE MULTIPLICAR, REPLICAR E AINDA, PRATICAR A CHAMADA SIMBIOGÊNESE, OU SEXO BIOLÓGICO, COM A CÉLULA BACTERIANA E FECUNDAR UM NOVO SER. CHAMADO DE BACTERIÓFAGO E CONHECIDO DA CIÊNCIA QUIMIOBIOLÓGICA.

SE NÃO FOSSE ESTA SIMBIOSE DIVINA, NÃO PODERÍAMOS EXISTIR, POIS ELES SÃO NOSSA PRÓPRIA CONSTITUIÇÃO. SOMOS. QUEIRAM OU NÃO, SERES MISTOS.

BEIJOS DE LUZ NOS CORAÇÕES E CÉREBROS CORPORIFICADOS LOCAIS E SIMBIÓTICOS, ILUMINADOS PELA MENTE PSIQUE ESPIRITO HOLOGRÁFICO NÃO LOCAL.

DILMAR DUTRA E MARLENE CHAVES DALTRO SANTOS.