PLANETA MICROTUBULAR, BACTERIANO E GERMENIANO.

Origem: Kardec ratifica “confirma Ciências” e esclarece conflito, em sua codificação.
Receptor: Médium Dilmar Dutra.
Manifestação da revelação: Mediúnica.

      É preciso educar nossos filhos, para que no futuro, o Planeta disponibilize sistemas de VIDAS, onde ambos, "Filhos e Planeta", possam viver interativamente, solidariamente, participativamente, amando tudo o que tem vida, destinando recursos, para despoluir, regenerar, recuperar e principalmente PRESERVAR o que existe, e está, a beira da extinção.
     E é onde os SERES HUMANOS se encontram agora, juntamente com os vírus, que são predadores naturais da família animália do reino celular, ou seja, no topo da Cadeia Alimentar. - NOTE BEM: Os 99% dos sistemas vivos, já foram para a extinção, e não tivemos notícias até hoje, que algum deles retornou.

     Não existe imortalidade, este termo, foi criado pelas civilizações antigas, quando ainda, não existia o dinheiro. E os espertos sacerdotes religiosos, inventaram os “LIVROS DOS MORTOS” que estabelecia um código para imortalidade da “ALMA”, e isto serviu para convencer seus seguidores, de que eles “Sacerdotes, Egípcios e Tibetanos”, poderiam dar uma codificação, através dos seus DEUSES, em troca de trabalho. Exemplos 20 anos de trabalho, era o suficiente para receberem um papiro de 20 metros, contendo um procedimento, para enganar o demônio e alcançar a imortalidade da "ALMA", em Naacal “ALMAS-GRUPO” significava, corpo “materialização”, unidade atômica, alimento, respiração, ingestão e fogo, porque fogo respira e só surge onde o oxigênio possa alimentá-lo, bem como, tudo celular e molecular, que interage com tudo que tem vida e precisa da água e da luz para viver.

     A terminologia imortalidade da Alma ou das Almas-Grupo é o maior dogma, a maior incongruência, "que significa ausência de verdade". Todo ser almático morre e vai para a extinção.

     A eternidade espiritual surge da colisão de energias de potencialidade e de velocidade, representada pela matéria e pela antimatéria, que na colisão se aniquilam, se anulam e formam uma única ENERGIA TAQUIÔNICA (AMOR) que não podemos ver, nem pegar, mas podemos sentir igualzinho a DEUS (Divino Espírito Único Sagrado), esta tradução é da língua Mãe, Dialeto Naacal, falado na antiga ATLÂNTIDA, a alma ou almas-grupo, são fluídos vitais, e ao serem consumidos vão para a extinção, os Espíritos significam as energias que sobram da colisão, ou ENERGIA TAQUIÔNICA (AMOR) - neutra, e transcende da vida para a eternidade.

     Dando continuação a comunicação com o Espírito "KARDEC", eu questionei muito sobre o conflito que o Senhor estabeleceu no próprio "LIVRO DOS ESPÍRITOS" em relação à ALMA dando a ela três (03) interpretações?
KARDEC respondeu: Irmão! Não existe obra humana que esteja pronta, se os Seres Humanos não estão prontos, como suas obras poderão estar?... Continuou KARDEC, as interpretações são particulares e depende do grau de consciência de cada Espírito, condição que estabeleci para dar início a discussão sobre ALMA no próprio LIVRO codificado por nós.

     Nós quem? Perguntou Dilmar.

     Resposta: O Professor Henry Pestalozzi, a Professora Gabriele, "GABY" minha esposa e Eu.

    Foram anos de estudos, examinando toda papelada apreendida por Napoleão no Egito, ao desenterrar a ESFINGE e remeter tudo a Paris, apesar da autoria da codificação, ser atribuída unicamente a mim, não significa ser verdade. Então qual é a verdade? Estávamos diante do regime da "Inquisição Religiosa", que punia crimes contra a fé Católica, eu adotei o pseudônimo "KARDEC" e publiquei tudo em nome do pseudônimo, para proteger os membros da comissão que estudavam "Imhotep", a "Pirâmide Escalonada de Saqqara, onde funcionava a Escola de Mistérios Espirituais que JESUS e MARIA BETÂNIA, estudaram dos 13 aos 29 anos, e lecionaram por um ano. E depois resolveram ensinar aos seus, peregrinando pelos apostolados ignorantes e ciumentos, de uma sociedade machista.


    Pergunta do médium. "Quem é Maria Betânia?

    Resposta: Foi aquela prometida a "JESUS" por seus pais, e tornou-se sua esposa, foi para SAQQARA, como noiva de “JESUS” quando eles tinham, 13 anos e 09 anos. Eram primos Jesus e Maria Betânia, conhecida como "Maria Madalena". Não tinha nada haver, com Maria de Magdala, uma mulher de vida fácil, e que converteu-se ao Cristianismo, e foi no Concílio de Nicéia que deturparam toda sua vida, confundindo-a intencionalmente com Maria Betânia, ou ainda, Maria Madalena, esposa de Jesus, irmã de Lázaro e de Marta. Quiseram estes Sacerdotes, ao tomarem conhecimento dos papiros atribuídos a ela “Maria Madalena de Betânia”, que se referia a um lesa humanidade próprio dos religiosos, esses papiros, foram chamados de evangelhos Agnósticos, apócrifos, falsos e ofensivos a eclética Sacerdotal religiosa que adotara também, um imposto eclesiástico para viverem do chamado pão da vergonha, optando por retirar todas as imagens de Maria Madalena de Betânia, de seus templos e substituírem pelas imagens de Maria Mãe de Jesus, ou “Nossa Senhora”.

    Pergunta do Médium: Onde estavam registradas, as Lei Divinas e Morais, que o Senhor fez questão de sustentar?

    Resposta: Você sabe muito bem, que estão registradas nos códigos do “EU MENTE ESPIRITO CONSCIÊNCIA” herança Genética da materialização microtubular protética das Fitas Duplas do RNA e do DNA.


     Estou parcialmente satisfeito com as explicações, por agora. Por favor, diga por que o conflito e a decisão em optar pelo aspecto moral da ALMA?

    O Espírito Kardec, mais uma vez respondeu: Como dissemos na resposta anterior, no registro da própria consciência, mesmo porque, não existe obra humana pronta, e precisávamos estabelecer ali mesmo, um confronto, um conflito, para primeira discussão. Qual a razão e objetivo desta decisão? Perguntou e continuou o próprio Kardec, os questionários que a Cavalariça do Professor Henry, levou a cada sensitivo e médium contemporâneo, e de forma particular e sigilosa, para que não fossemos identificados e nos garantisse proteção e integridade física, pois os inquisidores estavam atentos e sedentos, de punições em Praça publica, para estabelecer o medo, e assim impedir a propagação de crenças, que não fossem as Católicas. Adotadas todas as precauções, as respostas foram chegando divergentes e desencontradas, então, se levou em consideração uma cópia do papiro chamado “Livro dos Mortos” dos Egípcios, como parte examinada da documentação Napoleônica, apreendida no Egito, não se pode a época ser totalmente decifrado, mas mostrava ser um, “lesa-humanidade”, e que me fez compreender que aquele povo não era escravizado fisicamente, mas sim dogmaticamente doutrinado, e diante da urgência de publicar o primeiro livro da codificação, optei pelo aspecto moral, deixando o caminho das “Ciências Particulares” e suas comprovações, diante de um compêndio de muitos autores com divergências primárias e incongruentes.

    O Senhor colocou no plural, Ciências?

    Exatamente Dilmar. De que vale a alquimia sem a ação microbiana e sem a astronomia? É preciso juntar todas num só compêndio, numa só vulgata, para que obtenhamos a verdade.


    Nova pergunta do médium. Então foi proposital o estabelecimento do conflito que observamos por todo Pentateuco?


    Resposta de KARDEC. Eu sábia que você chegaria a esta conclusão, para que também, todos possam chegar e compreender, para isso, é preciso questionar, checar as possibilidades racionalmente. Temos a mais absoluta certeza, de que você sabe fazer isto muito bem, até que enfim, alguém teve a percepção do caminho a ser percorrido. Por isso, pedi a “Imhotep” uma nova conversa com você, e “ele” nos proporcionou essa comunicação, porque sei o cuidado que tem, ao conversar com os Espíritos, só fazendo através dele ou de sua tia. Estarei a sua disposição, disse Kardec, sempre que precisar. Tenho certeza que iremos nos falar muito, ao longo dessa jornada espiritual. Quero deixar uma sugestão a todos que tiverem notícias deste diálogo espiritual, espírito (energias) e matéria (fluídos vitais) estão como pares de uma só realidade, (verdade) nutrem-se.

    Por favor, não se vá, poderia eu fazer mais uma pergunta direta e objetiva.

    Sim. Respondeu o Espírito Kardec.

    Ouvi parte de sua conversa com Imhotep, e como é coisa do qual, estamos estudando muito, eu e o José Eduardo, gostaria muito que o Senhor, fizesse a mesma colocação para nós?

    Resposta: Tanto posso, como devo. O Planeta e os Multiversos Paralelos estão repletos de ORBES - “Planetas Bacterianos, Germenianos e Microtubulares,” de reino celular molecular, e não só. Bacteriano. Os microtúbulos “proteínas codificadas em RNA e DNA” estão em todas as criações e são projetos Divinos do Criador, existe realmente microtúbulos em tudo e eles são derivados da Energia Taquiônica codificada no “EU MENTE CONSCIÊNCIA” que não tem uma localização exata, não só, no meio ambiente, como vocês colocam, mas por todo Cosmo. A consciência é Espiritual, não é biológica ou química, e nessa questão vocês estão certos. O cérebro é uma memória biológica que interage com tudo, mas vai para a extinção, o “EU MENTE CONSCIÊNCIA” Sim. É Eterno, recorrente, infinito e transcende todas as formas Almáticas. Quero então, já que tocou nisso, aproveitar para dizer: Que não existe Teoria ou verdade que fundamente CORPO para os ESPÍRITOS, pois é fusão de ENERGIAS aniquiladas e neutras. CORPO tem a ALMA e as ALMAS-GRUPO, porque elas se materializam fluidicamente constituídas em unidades atômicas e revestidas de membranas, isto é corpo, e pode ser feito como experimento até em laboratório, e que, é só uma questão de tempo, por que as Ciências Integrais se transformarão num só bloco de compêndios, que eu denominei no passado, de “Ciência Espírita” como a Ciência de todas as Ciências, em face dessa englobação, e que não significa criar fundamentos, para mais uma Ciência e sim, unificá-las ecumenicamente, porque matéria e Espírito é uma mesma realidade com cargas diferentes, como por exemplo, verificada na colisão da partícula da matéria com antimatéria.

    Termino citando "JESUS". Conheça a "Verdade e ela vos libertará", comece AMANDO-SE, porque só o AMOR pode integrar as civilizações humanas ecumenicamente.


    Assim terminou nosso diálogo. - Um beijo no coração e muita Paz. Dilmar Dutra - médium científico a serviço do AMOR - São Lourenço