“Refletindo o Contraditório de Opostos”


Imprimir 

 

 




Postado em 07.11.2012.

Autoria: Dilmar Dutra – Biomédium Autodidata em Ciências Integrais e Espiritualidade Universalista Ecumênica e Holística. Escritor Científico e Espiritual a serviço da Complementabilidade e da Impermanência como ferramenta Divina criadora da torção biológica e da Plasticidade Morfogenética em relação a VIDA CELULAR.

A busca pelo conhecimento com lógica e bom senso, faz com que o Biomédium em questão sob análise e questionamentos, estabeleça um conflito na busca pelo denominador comum de complementabilidade ,sem envolver-se em confrontos, por isso, ler, reler e treler de tudo envolvendo uma enorme gama de assuntos variados, colocando-os sob perspectivas evolucionistas, progressistas e atualizadas, em tudo que envolva, energia matéria e psicologia, bem como, todas as Ciências, cujas disciplinas curriculares, nos levam as Totalidades Integradas e, vai separando o Joio do Trigo, pela própria sustentabilidade que os assuntos requerem, buscando a congruência, a pertinência a lógica e buscando também, a objetividade, nunca considerando a dúvida nas afirmações que indicam duas coisas conflitiva e confrontantes como certa. A certeza pela sustentabilidade deve prevalecer, sem engessar, petrificar ou dar sentença como coisa permanente, face acreditar com convicção na Impermanência Divina, onde tudo na vida se transforma, se adapta mutativamente ou vai para a extinção. Se fizermos uma retrospectiva de registros akáshicos, verificaremos que mais de 99% dos Sistemas Vivos, já foram para a extinção e nunca tivemos uma notícia que seja, de informação de que algum voltou. A desativação do código genético, ocorre justamente pela impermanência, devido a torção biológica e a plasticidade morfogenética de transformação e adaptação para a sobrevivência almática de ebulição primária, fermentação secundária e respiração terciária. A Condição de permanência, é incongruentes e só alimentam dogmas e mitomanias humanas, quaisquer possibilidades nesta direção de permanência é reducionistas e sem sustentabilidade Científica e Espiritual.
A reflexão é livre e está condicionada ao livrearbítrio, que faz escolhas e tomadas de decisão em foro intimo e pessoal. Por isso e pela igualitariedade nos direitos de saber e conhecer todas as informações atualizadas as oferecemos para reflexão, numa manifestação de AMOR como novo paradigma de igualitariedade, onde todos possamos entender assuntos considerados polêmicos e conflitivos cujo caminho pode ser considerado de complemento, nunca de confronto, face entendermos a unidade como algo Divino. “DEUS” é um Sistema de Totalidades Integradas e nós Vivemos inseridos neste Campo Taquiônico de Influência de maneira corporificada e sob total Interação da não localidade da Consciência Espiritual Mente Psique Espírito, com a matéria local corporificada em células e moléculas almáticas totalmente dependente desse Campo de Influência do qual somos todos dependentes, desde uma mesma matriz Divina. Daí nossa Unidade, vem da manifestação de AMOR como ELO entre o Espírito e a Matéria Corporificada numa Relação de Interação da Mente – Corpo.
Nossos questionamentos descartam todas as abordagens publicadas em livros, jornais especializados, revistas e informações de uma só Ciência Isolada, por ser reducionista e não representar a interação entre as Ciências Integrais. A Física sem a Química e sem a Biologia, sem a Psicologia nunca chegará ao "Sistema de Totalidades Integradas " como manifestação Divina. O perigo demonstrado em condições de exclusões está fora da complementabilidade e do AMOR. Então viver no MEDO e DÚVIDA estabelece um impasse, conservador de ficar em cima do muro, sem uma tomada de decisão, sob a certeza sustentável de fé inabalada, consubstanciada na sustentabilidade da VIDA CELULAR – MOLECULAR. Não acreditar nisso estará sempre na escuridão que normalmente chamamos de fé cega.
É preciso que as informações atualizadas da vida sustentável, que vem das revelações Espirituais e das Ciências Integrais, numa perfeita sintonia. Possa dar todos a compreensão que célula é a menor unidade de vida. Uma sustentabilidade inquestionável, quem se manter fora desta condição vital e Almática estará, fadado ao descrédito. E suas crenças mirabolantes irem para a extinção, junto com de seu conservadorismo imexível de permanência engessada e petrificada, como sentença pela própria fé cega, que interpreta tudo em cima da letra humana que mata.
Vejam o próprio Kardec, mesmo sem conhecer a constituição celular molecular de todos os seres vivos, em sua época, estava muito a frente de seus seguidores, ou seguidores de sua codificação.
EXEMPLOS DE TRÊS CITAÇÕES QUE PODEM COMPLEMENTAR, ATUALIZAR E ADAPTAR TUDO NA CHAMADA CODIFICAÇÃO:
Pela Ordem:
1ª) - “Se Vossa Consciência, já não vos mais admirar qualquer nova possibilidade, como podeis acreditar em uma condição de existência diferente daquela do vosso corpo físico.”
2ª) – “Caminhando de par com o progresso, o espiritismo jamais será ultrapassado, porque se novas descobertas lhe demonstrassem estar em erro acerca de um ponto qualquer, ele se modificaria nesse ponto. Se uma verdade nova se revelar ela a aceitará.”
3ª) – “A Marcha dos Espíritos é progressista, jamais retrograda.”

Vejam não estamos propondo alterações nas questões de FÉ, Apenas lembrando que foi o próprio Kardec que sugeriu isto, pelo que deixou escrito e de sua autoria, para modificação e adaptação da sua codificação como proposição para sua codificação.

(Kardec era um homem de análise. Compungia-lhe a rigidez do dogma que o afastava das concepções religiosas. O excessivo simbolismo das Teologias e ortodoxias tornava-o incompatível com os princípios da FÉ CEGA.)
Que isto fique como reflexão, para aqueles que julgam a Codificação imexível e permanente na contramão da ferramenta Espiritual e Científica que é a impermanência das fragmentações de Consciências Espirituais Não Locais, que interagem com os Corpos Físicos Materiais contidos no Único Sistema Divino manifestado no Campo de Influência da “MENTE PSIQUÊ ESPIRITO” Criador de Todas as Ciências, por isso é o Maior de Todos os Cientistas.

Penso haver dado uma pequena contribuição como facilitador, diante dos aspectos de Mistérios Espirituais, considerados polêmicos e complexos. Nossa posição de consciência espiritual simples e modesta, diante da minha pequenez em relação a MENTE PSIQUE ESPIRITO, com sua grandeza nos dá a certeza de que o que sabemos é uma gota e o que não sabemos é um oceano, mais a gota que sabemos nos dá sustentabilidade para dividir a informação com todos de que a VIDA É CELULAR – MOLECULAR,
Um afetuoso abraço e beijos de LUZ nos corações e cérebros simbióticos locais, iluminados pela “MENTE PSIQUE ESPIRITO” Não local, ou seja, pela não localidade de todas as fragmentações de partículas denominadas Consciências Espirituais não locais que interagem com a matéria almática corporificada.
Dilmar Dutra e Marlene Chaves Daltro Santos.